Nossas palavras são semente

” E por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos se esfriará. ” – Mateus 24:12

Começo o post de hoje com este versículo. Não é um jeito muito legal de começar um post, mas é um alerta.

Todos nós carregamos bagagens de um passado cheio de experiências, boas e ruins e somos atingidos de forma direta e indireta pelas circunstâncias ao nosso redor, o mundo hoje está submerso numa cultura deformada, onde não há amor, não há respeito e compaixão, mas não podemos permitir que as coisas ruins do passado, por exemplo, ou o estado emocional de alguém nos afete ao ponto de perdermos nossa essência.

pensamentos_000042

Quando conheci Jesus descobri nEle a minha essência, que é o AMOR, assim, bem grande! Nós externamos daquilo que nos alimentamos.

” Mas qualquer um que guarda a sua palavra, o amor de Deus está nele verdadeiramente aperfeiçoado; nisto conhecemos que estamos nele. ” 1 João 2:5

O amor de Cristo nos preenche, nos abre os olhos para enxergar a Sua luz e já não há como ser o mesmo, porque o Seu amor nos constrange, encontramos o sentido da vida em Cristo, em forma de amor puro, simples, genuíno. A cada dia somos alimentados por esse amor, então você doa amor e Ele te preenche com mais amor e você doa mais amor, é algo que não cessa. Eu só posso dar aquilo que eu tenho, se eu tenho Cristo não posso dar outra coisa a alguém que não seja amor.

Mas quando não encontramos a forma aperfeiçoada desse amor que está em Cristo acabamos indo pelo caminho da frieza que fala no versículo de Mateus 24:12 que usei para abrir este texto. Então nossas palavras se tornam navalha aos ouvidos de quem as ouve e elas acabam machucando.

” Para que Cristo habite pela fé nos vossos corações; a fim de, estando arraigados e fundados em amor,
Poderdes perfeitamente compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade,
E conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus. ” Efésios 3:17-19

Quando Cristo habita em nossos corações a profundidade do Seu amor não nos permite perder tempo com sentimentos rasos e mesquinhos.

tumblr_ldy1gnM7hh1qfs26so1_500

Nossas palavras são sementes, portanto temos de refletir e vigiar sobre qual tipo de semente estamos lançando, pois num futuro próximo ou distante iremos colher os frutos do que plantamos, frutos que irão influenciar a vida do próximo e de uma geração futura, dos meus e dos seus filhos. Jesus semeou amor por onde passou e Seus frutos são colhidos até hoje, e através do Espírito Santo que habita em nós temos a oportunidade de continuar semeando as Suas sementes.

Eu desejo que você encontre a largura, comprimento, altura e a profundidade do amor de Cristo, para que você viva de forma plena, em paz e na alegria que só o meu Amado Pai pode te trazer e assim influenciar o ambiente em que você vive para que a plenitude do amor de Cristo seja passada adiante.

Deus te abençoe!

Josie Ferreira.

 

   

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s